sexta-feira, 20 de abril de 2012

CHEGA DE DEBOCHES!

Uma das mais perniciosas características dos demônios é a irreverência para com as coisas de Deus. É sabido que entidades tem se notabilizado em achincalhar valores espirituais, e há demônios que possuem a função de, escancaradamente, provocar gracejos com músicas consagradas ao Senhor. O diabo, também em latim chamado "Lucifer", a saber "mensageiro de luz", segundo uma tipologia possível de ser interpretada à luz de Ezequiel 28.13-19, em um texto que inicialmente referia-se ao rei de Tiro, mas que por inferência tipológica pode ser apontada para Satanás o apresenta como um antigo "querubim da guarda" que era mestre em fabricar  instrumentos de sopro e de percussão: "Em ti, se faziam os tambores e os teus pífaros; no dia em que foste criado foram preparados", verso 13.

Me vêm a mente para provocar essa reflexão o ocorrido com uma composição lindíssima de um grupo musical solidamente bíblico e missionário, "Som Maior" (que marcou minha adolescência), e a canção diz:

Nos galhos secos de uma árvore qualquer
Onde ninguém jamais pudesse imaginar
O Criador vê uma flor à brotar

Olhai, olhai, olhai
Os lírios cresceram nos campos
E o Senhor nosso Deus
Nos têm alimentado para nossa alegria

Para nossa alegria
Para nossa alegria

Agora, o que vemos após um clip ser publicado no youtube, foi uma sucessiva onda de chacotas, desde que o vídeo expõe dois filhos que, propositamente e para constrangimento da mãe, desafinam e lançam torpedos de deboches em uma canção consagrada ao Senhor. Como resultado, já que vivemos em uma sociedade que orquestra o mal, houve convites para entrevistas em vários programas televisivos, e a chacota virou "hit", um "hit do mal"!

Me faltam palavras para expressar o meu descontentamento, quando de minha janela eu ouço adolescentes desbocados cantando essa canção, e fico a pensar de que essa é apenas uma das expressões vis de uma sociedade que insiste em viver sem absolutos divinos! Ontem, compartilhando com a igreja a exposição em Apocalípse 9, não me contive em afirmar que, naquele texto temos o retrato de uma sociedade dominada por demônios que serão soltos pelo diabo (a estrela que caiu do céu) e dominarão a terra por um período determinado (simbolicamente, cinco meses!) implantando um regime, uma dinastia de terror e pulverização de valores celestiais.

É triste e vil o que temos assistido! Cantores evangélicos vem oferecendo suas composições às gravadores seculares no propósito de adquirirem ganhos com aquilo que receberam (ao menos é isso que dizem...) do Senhor! Isso tudo me faz lembrar dos filhos de Eli que foram chamados justamente de "filhos de Belial" por roubarem das ofertas dedicadas ao Senhor! E o texto bíblico é claro: "Era, pois, muito grande o pecado destes mancebos perante o Senhor, porquanto os homens vieram a desprezar a oferta do Senhor" (I Samuel 2.17).

Todos os que participarem de assintes e deboches para com as coisas espirituais vão pagar muito caro por essa blasfêmia! Tenho para mim que isso até mesmo tipifica o pecado contra o Espírito Santo que é justamente a desconsideração do que é santo, considerando tudo "comum demais". Tenho ojeriza ao já denominado "humor gospel", esse tipo de gente desbocada que anda fazendo piadas de músicas e textos bíblicos são instrumentos de Satanás para a perversão dos nossos jovens e adolescentes, e ao meu ver, já foram entregues ao inferno, que é o lugar onde eles farão os seus melhores shows!

Com asco!

8 comentários:

Déo Teixeira disse...

OSVALDO LUIZ RIBEIRO demonstrou bom senso social. O acaso criou oportunidade a esta família ( que também por acaso são pobres e negros). A visão crítica eclesiástica por conta do "conhecimento" adquirido pode também "por acaso" nos conduzir para o fundamentalismo cego por onde caminhamos sem perceber que estamos tateando nas trilhas do materialismo religioso. O Brasil inteiro, hoje, sabe da influência evangélica no cotidiano da vida proporcionada por esta família - coisa que poucos líderes religiosos letrados conseguem - justamente por serem assim, além de estarem acorrentados aos conceitos de filosofia religiosa criada pelos próprios homens. O julgamento não pode recair sobre essa família direta ou indiretamente. Se houve a banalização a culpa não é dela e sim da mídia oportunista ( que ao menos sabe o que quer). Concordo com a explanação do OSVALDO. Parabéns!
.
(Publicado originalmente no Facebook)

tião disse...

A paz do Senhor pastor Ezequias, realmente esta coberto de razão, muito bem colocado o teu pensamento, a linha que divide o santo do profano é invisível ,mais com o colírio santo( Ap. 3:18)veremos que satanás tenta nos cegar pelas coisas simples para que não sigamos em frente, mais em Nome de Jesus chegaremos, e veremos a Gloria do Senhor . fica na paz .

tião disse...

A paz do Senhor pastor Ezequias, realmente esta coberto de razão, muito bem colocado o teu pensamento, a linha que divide o santo do profano é invisível ,mais com o colírio santo( Ap. 3:18)veremos que satanás tenta nos cegar pelas coisas simples para que não sigamos em frente, mais em Nome de Jesus chegaremos, e veremos a Gloria do Senhor . fica na paz .

Anônimo disse...

A Paz Pr. Ezequias, sou seu fã!...rs... Seu artigo me fez lembrar do título de um dos livros que lí ano passado - ECLESIASTES, O LIVRO MAIS MAL HUMORADO DA BÍBLIA (ED RENÉ KIVITZ). Não entendo tratar-se de deboche com algo espiritual, esta, ou qualquer outra música, enquanto letra não passa de poesia e bela poesia por sinal, o escárnio vém a partir de uma má utilização e divulgação dessa bela canção através de uma brincadeira familiar, pra mim isso não passa de bom senso por parte de quem parece que gosta de passar vergonha. Pr. convenhamos, é engraçado, não podemos fugir disso. Creio que não devemos demonizar o assunto assim. Más quero que coloque melhor o que o senhor tem a dizer (escrever) sobre o "humor góspel", não ficou muito claro, antes de julgar o que pensa quero ter certeza do que realmente defende. Entendo esse assunto de uma outra maneira más quero saber mais do senhor, caso queira se manifestar. Um grande abraço de quem o admira muito e demonstra amor mesmo sem conhecê-lo pessoalmente. Fica na Paz do Senhor meu amado!

PARA NOOOOSSSAAAA ALEGRIIIIIAAAAA!!!...Brincadeira...hehe...

Em Cristo, que se alegra com comunhão da sua igreja e nos leva a sentir a verdadeira alegria da salvação.

Anônimo disse...

A Paz Pr. Ezequias, sou seu fã!...rs... Seu artigo me fez lembrar do título de um dos livros que lí ano passado - ECLESIASTES, O LIVRO MAIS MAL HUMORADO DA BÍBLIA (ED RENÉ KIVITZ). Não entendo tratar-se de deboche com algo espiritual, esta, ou qualquer outra música, enquanto letra não passa de poesia e bela poesia por sinal, o escárnio vém a partir de uma má utilização e divulgação dessa bela canção através de uma brincadeira familiar, pra mim isso não passa de bom senso por parte de quem parece que gosta de passar vergonha. Pr. convenhamos, é engraçado, não podemos fugir disso. Creio que não devemos demonizar o assunto assim. Más quero que coloque melhor o que o senhor tem a dizer (escrever) sobre o "humor góspel", não ficou muito claro, antes de julgar o que pensa quero ter certeza do que realmente defende. Entendo esse assunto de uma outra maneira más quero saber mais do senhor, caso queira se manifestar. Um grande abraço de quem o admira muito e demonstra amor mesmo sem conhecê-lo pessoalmente. Fica na Paz do Senhor meu amado!

PARA NOOOOSSSAAAA ALEGRIIIIIAAAAA!!!...Brincadeira...hehe...

Em Cristo, que se alegra com comunhão da sua igreja e nos leva a sentir a verdadeira alegria da salvação.

Roberto Pereira disse...

O texto é muito verdadeiro mas eu penso que esses jovens não tinham, em princípio, o propósito descarado de fazer chacota. No entanto quando eles aceitaram o convite para fazer parte de um programa humorístico cantando essa música, demonstraram, com suas ações, que o amor a fama e ao dinheiro é a doença dessa geração.
Que Deus nos livre de blasfemar o Seu Santo Nome!!!

Anônimo disse...

Eu concordo com este texto, verdadeiramente o diabo tem inveja das coisas de Deus, e ele tenta ridicularizá-las, como faz com as mulheres tornando-as piriguetes, prostitutas, homens em homossexual, violentos, estas são as obras de satanás, para desqualificar as obras maravilhosas de Deus. Eu particularmente não gosto desse video pra mim é uma vergonha ver jovens que poderiam esta dando um bom testemunho das coisas de Deus, serem usados para envergonhar as coisas santas de Deus, mas fazer o que além de orar, jejuar e fazer o que Jesus nos ensinou a pregar o evangelho a toda criatura, quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado e não sou eu quem diz isso é a palavra de Deus, sabemos que enquanto houver dia, haverá noite, e enquanto houver cristãos serios, haverá os falsos e cabe a nós continuar nesta batalha e não nos conformarmos com este século.

Déo Teixeira disse...

PERGUNTA AO ANÔNIMO DA POSTAGEM DE UM COMENTÁRIO NA DATA DE 22 DE MAIO DE 2012(13:36).
.
Voce defende tese cristã escondendo-se atrás do anonimato? Sua situação esta inferior ao Grupo a quem endereça ataques - se é que eles merecem essa forma de destratamento por parte de pessoas que não tem coragem de assumir sua própria identidade para acusar (ou defender) "em nome de Deus".